terça-feira, 27 de setembro de 2011

Balé Jovem de São Vicente garante cinco vagas para Nova Iorque 2012

Na disputa com 200 bailarinos por 30 vagas para representar o Brasil em Nova Iorque em 2012, os jovens bailarinos de São Vicente conquistaram 05 vagas para solistas, onde terão a oportunidade de serem contemplados com bolsas de estudos em grandes escolas de todo o mundo, no concurso do Youth American Grand Prix (YAGP)


Com movimentos precisos e sensibilidade artística, com a firmeza nas pontas dos pés e com a determinação de quem corre atrás de um grande objetivo, jovens bailarinos sobem ao palco com um brilho especial nos olhos e ali dão os primeiros passos que pode levá-los a concretização de um sonho. Foram quatro dias de competição para solistas onde todos foram analisados em aulas clássicas acadêmicas e apresentações de solos livres e variações de repertório.

Em busca do sonho de se tornar um grande bailarino, em conquistar uma bolsa de estudo em grandes escolas internacionais 200 bailarinos dos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina, Piauí, Espírito Santo, Goiânia, Rio Grande do Norte, Ceara e Pará vieram a Santos, na seletiva brasileira do YAGP, disputar 30 vagas para fazer parte da delegação Brasileira de Dança, que irá representar o Brasil em Nova Iorque em 2012. A banca de jurados foi formado por Luca Masala - diretor da Princess Grace Academy of Monaco, Christine Gunn - diretora da New Zealand School of Dance, Tatiana Leskova - Maitre Brasileira, Tara Milton Catao - representante do Harid Conservatoriy – EUA, Luis Arrieta - coreógrafo do Brasil, Tadeusz Matasz - John Cranko School – Stuttgart Ballet, Carlos dos Santos Junior – coreógrafo do Alvin Ailey Ballet School – EUA, Nancy Raffa – American Ballet Theatre e Larissa Saveliev – Diretora Artística do YAGP (USA)

Apesar das 30 disputadas vagas, cinco jovens bailarinos do Balé Jovem de São Vicente: Noan Alves, Verônica Vasconcelos, Larissa Machado, Giovanna Costa e Sarah Ignácio foram selecionados nesse domingo e a jovem Dandara Caetano foi selecionada como suplente.

Em abril de 2012 esses jovens estarão embarcando para Nova Iorque para concretizar sonhos e com a determinação de realizar um bom trabalho e representar a cidade, a Baixada Santista e o Brasil. Além disso, terão a oportunidade de freqüentar aulas com importantes mestres da dança internacional e ainda vão ser avaliados, podendo concorrer a bolsas de estudos em grandes escolas internacionais.

Por trás de toda suavidade e leveza poucos sabem o que o balé clássico exige de cada bailarino. Em busca da perfeição de cada movimento, da linha de perna mais perfeita, dos pés mais esticados, da certeza de estar transportando o público para um momento único de emoções divididas entre o palco e a platéia. São cerca de 5h de ensaios por dia, leitura e estudo sobre o a parte teórica da dança e as histórias dos balés de repertório. “É uma dedicação que vale a pena, já temos exemplos dentro da nossa própria escola que balé clássico pode ser visto como profissão e que os sonhos são possíveis” diz Noan Alves.

Para as professoras Geyssa Alencar e Sabrina Olimpio é um trabalho compensador. “Esse é o nosso papel, transformá-los em amantes da dança, lapidá-los e encaminhar a todos para a profissionalização. O trabalho nunca acaba, sempre que alguém se profissionaliza outro estará começando e é essa nossa grande vitória. É um prazer vê-los ter a oportunidade de dançar em grandes palcos de Nova Iorque são experiências jamais esquecidas”.

O Balé Jovem agradece a todos que colaboraram de alguuma forma para mais essa grande conquista! A  nossa muito querida Áurea Hammerli pela sua presença e apoio nesses dias de mto nervoso e por todo o ensinamento nos dado e agora aprovados no palco. Aos pais pelo apoio, aos alunos da escola que ficaram sem aula devido a essa grande competição, ao CCBEU por apoiar e conceder a todos esses solistas a oportunidade do estudo da língua inglesa, ao nosso padrinho Pedro Gouvea, a prefeitura de São Vicente, ao TRAJE DE DANÇA pelos lindos figurinos e principalmente a Deus por guiar nossos passos e estar sempre conosco.

YAGP – O YAGP é a maior competição de ballet do mundo estudantil, que concede por ano mais de US$250 mil em bolsas de estudos nas principais escolas de ballet do mundo. Em 12 anos o YAGP, já concedeu mais de 2 milhões em bolsas de estudos para melhores escolas de dança do mundo. Mais de 25 mil bailarinos em todo o mundo participaram dos workshops internacionais. Mais de 200 alunos se profissionalizaram através do YAGP e estão dançando em 50 cias. do mundo, incluindo American Ballet Theatre, Paris Opera Ballet, Stuttgart Ballet entre outros. Desde o inicio o YAGP tornou-se um ponto de encontro para estudantes e professores de dança, onde podem trocar idéias, compartilhar experiências e receber as mais atualizadas informações em uma variedade de questões de balé e dança contemporânea.
O YAGP tem seletivas em todo o mundo. A seletiva Brasileira 2011 aconteceu em Santos – SP, de 21 à 25 de setembro.


Dandara Caetano

Junior Oliveira

Sarah Ignacio

Verônica Vasconcelos

Giovanna Costa

Danielle Garcia

Noan Alves


Larissa Machado

Um comentário:

Evelize disse...

Ter 200 vagas em mais de mil.....concorrer para 30 vagas entre 200.... CONQUISTAR 5 vagas entre 30!!!!!!!!
O q mais precisa ser dito??????Esta provado!!!!

PARABENS! PARABNES! PARABENS!

BJOSS